Sicredi 1
Prefeitura

'Ia casar domingo', diz amiga de jovem que foi atropelada com a filha em Cascavel ao tentar atravessar rua

Por Amilcar Bueno em 21/06/2022 às 12:18:39

Mãe e filha, que são haitianas, permanecem em estado grave, internadas no HU. Atropelamento foi na segunda (20). Motorista informou que perdeu o controle do veículo. Polícia investiga o caso. Mãe e filha ficam em estado grave após serem atropeladas em Cascavel

A jovem haitiana de 23 anos, atropelada com a filha de apenas quatro anos, na segunda-feira (20), em Cascavel no oeste do Paraná, iria se casar no próximo domingo (26), de acordo com a amiga dela, Micheline Joseph.

“Ela dormiu na minha casa, domingo de noite, ela acordou e antes de sair ela conversou comigo, sobre como seria o casamento dela, eu explicando pra ela, porque ela não tinha condições, eu vou ajudar ela, [...] Ela estava feliz e disse "vou esperar esse dia´. Só deus vai saber quando será o casamento dela," relata Micheline Joseph.

O acidente foi na manhã de segunda-feira (20) na Rua Xavantes, no Bairro Santa Cruz. Mãe e filha permanecem internadas nesta terça-feira (21) no Hospital Universitário (HU), ambas em estado grave.

RELEMBRE O CASO: Mãe e filha ficam em estado grave após serem atropeladas em Cascavel, dizem bombeiros

Uma câmera de segurança registrou o momento (veja no vídeo no início desta reportagem). Nas imagens é possível ver as duas, de mãos dadas, aguardando para atravessar a rua. Em seguida, um carro que trafegava pela via atinge mãe e filha, que são prensadas contra outro veículo que estava estacionado no local.

Mãe e filha ficam em estado grave após serem atropeladas em Cascavel, dizem bombeiros

Reprodução

Conforme o Boletim de Ocorrência da Polícia Militar (PM), uma mulher conduzia o veículo que atingiu mãe e filha. No carro também estava uma criança de cinco anos, ambas foram conduzidas a uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) com ferimentos leves.

Jovem é atropelado por ônibus após ser empurrado em rua de Cascavel, diz PM

O veículo, conforme a PM, foi recolhido ao pátio do Detran por estar com licenciamento atrasado. O teste do bafômetro foi feito na condutora e deu negativo.

VÍDEO: câmera de segurança flagra atropelamento em Londrina; motorista fugiu sem prestar socorro

A mulher relatou à polícia que perdeu a consciência na hora do acidente e que isso já ocorreu isso antes. Por este motivo, ela afirmou aos policiais que evita pegar a condução.

A Polícia Civil investiga o caso.

VÍDEOS: mais assistidos do g1 PR

Veja mais notícias da região no g1 Oeste e Sudoeste.
Comunicar erro
PREMOLD

Comentários

rashid